Look do dia: camiseta da riqueza

Para ver mais looks, navegue pela tag.

Neste último domingo, resolvi ir matar a saudades da comida do Chez – restô que curto bastante e nunca fiz post pra valer. Já fui muitas vezes na unidade deles na Lorena, mas nunca tinha me aventurado na unidade do MIS, que tem paredes de vidro que dão vista para o jardim do museu e para a agitação que rola do lado de fora aos finais de semana. A comida continua deliciosa, o ambiente é incrível, mas o serviço… Bem, é assunto para outro post (que vai sair!).

Almocei por lá, dei uma olhadinha na feira de discos que estava rolando, peguei o programa do MIS – vai rolar uma mostra de filmes sci-fi bem legal ainda este mês! – e fiquei chateada que os ingressos para a Green Sunset deste sábado já acabaram. Para quem não sabe, esta é uma festa de música eletrônica que começa de dia e vai até a noite e rola mensalmente no espaço aberto em torno do museu. Já li N vezes sobre, nunca consegui ir. De novo não rolou de comprar convite, mas em agosto, é nóis. hehe Com uma noite paulistana tão sem graça ultimamente, essas festas diurnas realmente parecem a última bolacha do pacote. Alguém já foi?

Agora, o look, com camiseta divertida, bota cowboy “atualizada” e a melhor legging que já adentrou meu guarda-roupa.

 .

óculos: Wayfarer, Ray Ban
cardigan podrinho: Pop Up Store
camiseta à la pai rico, pai pobre: presente da Chico Rei (adorei!)
colar: adivinha? Ebay, este vendedor aqui
legging: Mulher Elástica
bolsa: Topshop
bota: Zara

.

Deixe seu comentário

Comentários

Comentários via Facebook

Comentários via blog

    1. [Comment ID #26101 Will Be Quoted Here]

      HUAHUAHAUA
      mas olha, acho que legging é uma unanimidade entre os homens mesmo. Vale mais uma legging ~justinha~ que uma perna meio feia de fora. hauahah

  1. Vc está muito magrinha :) Que coisa boa!
    Já fui no Green Sunset, é muito bom! Vale a pena! Tem outras coisas boas rolando pela cidade, que não sei se você já conhece.. Em alguns domingos a tarde, acredito que 1 vez por mês também, na Casa das Caldeiras tem a Calefação Tropicaos, Pilantragi e Venga Venga, só música boa, gente bacana em um espaço animal! E na Trackers também tem algumas festas que salvam sim a noite Paulistana, gosto das festas que misturam rock com música brasileira (Trabalho Sujo, Rechanchada, e até a Veneno). No Bebi Sim toda quinta também tem Pilantragi, festa de música brasileira muito legal! Enfim…é isso. Adoro seu blog! beijos

    1. [Comment ID #26141 Will Be Quoted Here]

      Eu seeempre quero ir na Trackers, nunca deu certo. Sou doida pra ir na Voodoohop. rs Agora tem umas coisas que não sou tão fã aí, preciso dançar com vontade na pista. Se ficam tocando música pra inglês ver me dá raivinhas.. hehe

  2. Vc está muito magrinha :) Que coisa boa!
    Já fui no Green Sunset, é muito bom! Vale a pena! Tem outras coisas boas rolando pela cidade, que não sei se você já conhece.. Em alguns domingos a tarde, acredito que 1 vez por mês também, na Casa das Caldeiras tem a Calefação Tropicaos, Pilantragi e Venga Venga, só música boa, gente bacana em um espaço animal! E na Trackers também tem algumas festas que salvam sim a noite Paulistana, gosto das festas que misturam rock com música brasileira (Trabalho Sujo, Rechanchada, e até a Veneno). No Bebo Sim toda quinta também tem Pilantragi, festa de música brasileira muito legal! Enfim…é isso. Adoro seu blog! beijos