Menina de onze anos pede mais heroínas para a DC Comics

Existem heróis com mil e uma habilidades, tamanhos e espécies. Mesmo quando esquisitos, todos tem uma boa dose de carisma – vide Groot, de “Guardiões da Galáxia”. E todos, ou quase todos, tem mais uma coisa em comum: são homens. Mesmo árvores costumando não ter gênero.

Uma garotinha americana de onze anos adora quadrinhos e andou percebendo toda essa discrepância. Depois da polêmica envolvendo a hipersexualizada capa de Milo Manara para a Mulher Aranha, essa menina colocou a questão uns capítulos para trás e lançou apenas uma simples pergunta: por que existem tão poucos heróis mulheres? Por que as poucas heroínas que existem não recebem atenção com um filme ou uma série de TV próprios? Boas perguntas, Rowan.

wonder2

“50 Tons de Cinza” na moda: acessórios e camisetas

Todo fenômeno cultural acaba inspirando estilistas de alguma forma. Com “50 Tons de Cinza” não ia ser diferente: além de ter sexo no meio (e de sexo vender), a coisa agrada de cara um público com disposição para gastar com seus hobbies.

Pensando nisso, uma das peças mais legais que vi aqui no Brasil foi o colar criado pela designer Camila Klein e apresentado durante o Minas Trend Preview no final de novembro. A peça inspirada no romance do momento traz pedras em tons de cinza e delicados pingentes com os presentinhos que Anastacia ganha do Mr. Grey: a chave do Audi, o computador, o celular… Tudo “coroado” pelo helicóptero Charlie Tango.

Personagens pop mostram seus “dilemas” em ilustrações lindonas

Entre mil e um trabalhos lindões e cuidadosamente agrupados em seu Deviant Art e em seu Tumblr, Chris Garringer lançou a série de ilustrações “I know that feel, bro”.

A série de imagens melancólicas mostra sempre dois personagens de desenhos, filmes ou séries confraternizando sobre problemas e questões em comuns, no melhor clima de “te entendo”, com o título já diz.

Apesar de bem triste, até pela escolha das cores “apagadinhas”, o trabalho é muito lindo:
.

Querem tirar o Von Dutch do armário

Britney usando seu Von Dutch em 2007 e provando que tendência é coisa para os fracos

Alguém se lembra o que todas (todas mesmo!) as celebridades tinham em comum em 2002 e 2003? Sim: um belo bonézão Von Dutch na cabeça para se esconder dos paparazzi.

A marca, que surgiu como um furacão junto com as calças Diesel, acabou ficando datada, mas tem editorial por aí mostrando que talvez seja a hora de ressucitar os bonés, especialmente os de aba reta, mais esportivos.

Para edição de setembro da moderninha revista Jalouse, a stylist Jennifer Eymére apostou em vários bonés para arrematar o estilo grunge em Milla Jovovich.

A atriz aparece com o acessório na cabeça na maior parte do ensaio, que também trata de dar um UP nos bons e velhos brincos de argola pesados. As fotos são de Kenneth Cappello:

.

Leia mais

Michelle Williams encarna Marilyn Monroe

Michelle Williams enganando bem!

Confesso que nunca dei muita bola para esse hype todo em cima da Michelle Williams, mas quando começaram a surgir as fotos da moça “transformada” em Marilyn Monroe, tive que dar uma confiança a mais para a atriz.